images-_1_-1-831x250

O Castelo de Portel – Portugal 🇵🇹

O Castelo de Portel – Portugal 🇵🇹

o-que-visitar-em-portel

O Castelo de Portel está localizado em Portel uma vila alentejana pertencente ao distrito de Évora e assume-se como a capital do montado.

O Castelo de Portel terá sido construído no reinado de D. Dinis, mas o início da construção poderá ter ocorrido com D. Afonso III, por volta de 1261.

A Terceira Dimensão: Castelo de Portel

Durante a crise de 1383-1385, devido à morte do rei D. Fernando, sem deixar herdeiros masculinos e sua filha D. Beatriz, casada com o rei de Castela, ter reclamado o trono português, o que significava a perda da independência, a vila e o seu castelo tomaram o partido de D. Beatriz.

Esta crise tinha como resolução, a possibilidade de subir ao trono, o filho do Rei Pedro I e Inês de Castro, a viver em Castela, ou João, Grão-Mestre de Aviz, filho de D. Pedro I e da aia de Inês de Castro, Teresa Lourenço, optando-se pelo segundo, o que originou uma guerra com Castela.

Em 1384, o Condestável, D. Nuno Álvares Pereira, reconquista a povoação de Portel e obriga à rendição do castelo, que viria a ser doado, por D. João I ao condestável.

Nos séculos seguintes, esta fortificação foi perdendo a importância militar, arruinando-se e mesmo depois de ser classificado como Monumento Nacional, partes da estrutura desabaram.

A Direcção Geral dos Edifícios e Monumentos Nacionais, tem procedido a várias intervenções de restauro e de acordo com a casa de Bragança, a quem pertence o castelo, foi feita também uma campanha arqueológica no seu interior.

 

A Praia Fluvial da Amieira

 

A Praia Fluvial da Amieira tem um areal de 600 metros, relva e alguns lugares de sombra, assim como um passadiço de madeira.

Uma vez que tem todas as condições para uma excelente tarde em família, tomamos a liberdade de sugerir que arranja um farnel e aproveite para fazer um fantástico piquenique junto às calmas águas na Amieira.

A Serra de Portel

 

A Serra de Portel é um maciço montanhosos que atinge os 418 metros de altitude.

No que diz respeito às árvores pode contar em especial com sobreiros e azinheiras mas a região é rica em flores silvestres.

Aliás, as abelhas nesta zona produzem o famoso Mel de Portel.

O Centro de Interpretação da Natureza e do Montado

 

Portel quer assumir-se como capital do montado e com esse intuito foi criado o Centro de Interpretação da natureza e do Montado.

Saiba que é um local cuja missão é valorizar, divulgar, preservar e defender o montado e a Serra de Portel, por isso recomendamos que dedique algumas horas do seu tempo em Portel para visitar este centro de interpretação.

Trilho pedestre “Amieira a Alqueva com o lago a seus pés”

 

Este é um percurso pedestre que se embrenha na paisagem alentejana.

Vale mesmo muito a pena fazer este trilho pois a tranquilidade que se experiência neste caminho é arrebatadora.

Apesar de não ser indicado para todas as pessoas porque são cerca de 17 km, o ponto de partida é o cais da Praia Fluvial da Amieira e o ponto de chegada é o Largo da Igreja da Aldeia de Alqueva.

 

NJ Advogados – Agende já sua consulta  clique aqui

Posts Relacionados